O seu salão

ENCONTRE UM SALÃO

ENCONTRE UM SALÃO PERTO DE SI

Geolocalize o seu salão

Conheça os salões Jean Louis David perto de si

Ou

Saber escolher a máquina de cortar cabelo
Saber escolher a máquina de cortar cabelo
Homem

Saber escolher a máquina de cortar cabelo

Partilhe
O seu homem pode evitar ir ao cabeleireiro se possuir uma boa máquina de cortar cabelo e, principalmente, se souber utilizá-la com destreza. Mas, tal como aconteceu com o seu precioso ferro de alisar ou de encaracolar, esta máquina não deve ser escolhida ao acaso. Eis os critérios a observar antes de passar pela caixa.
 
A primeira coisa que deve verificar é o número de guias de corte que a máquina possui. “Quantos mais tiver, mais fácil será realizar o corte e ajustar o comprimento desejado. Esses guias de corte apresentam-se sob a forma de pente e podem atingir o número de 8, consoante os modelos.”
 
Outro incontornável: o regulador do comprimento do corte. É raro encontrar máquinas sem eles, mas convém relembrar o seu caráter indispensável! O regulador do comprimento do corte permite guiar os gestos, evitando, assim, cortes demasiado curtos não desejados. A menos que o objetivo do seu homem seja rapar a cabeça e, nesse caso, poderá prescindir dele.” Dois casos de figura são possíveis: ou o regulador está integrado no pente ou é intermutável. Não se esqueça que quanto mais curto for o pente, maior será o corte.
 
Não se esqueça também de dar uma olhadela à potência do aparelho. Porque quanto maior for o cabelo do seu homem, mais potência e mais performance deverá possuir o aparelho.
 
Outro ponto importante: a alimentação da máquina. Se o seu homem for mais do género nómada, aposte numa máquina sem fios recarregável através da corrente elétrica. Mas, nesse caso, é preciso também certificar-se de que esta possui autonomia suficiente para poder cortar o cabelo de uma assentada, ou seja, 30 minutos, no mínimo. “As máquinas sem fios proporcionam igualmente uma maneabilidade perfeita. Os seus gestos não serão condicionados por um fio demasiado curto! Se a sua escolha recair sobre uma máquina com fio, tente que este tenha um comprimento suficiente que lhe permita liberdade de movimentos (3 metros parecem ser já suficientes).
 
Por último, preste atenção aos acessórios. Alguns deles podem parecer-lhe facultativos, ao passo que outros apresentarão o seu interesse. “Os pentes e tesouras revelam-se úteis nos acabamentos ou até mesmo durante o corte. Por exemplo, se a sua cara-metade tiver o cabelo um pouco comprido, poderá usar o pente para manter no ar os cabelos e, assim, libertar caminho para a passagem da máquina.” Um outro acessório a ter à mão, apesar de, geralmente, não ser fornecido com a máquina, é o espelho (ou os espelhos). Para não se esquecer de nenhum recanto, aconselha-se a que disponha de dois espelhos para poder ter debaixo de olho todos os cabelos rebeldes!
 
A nossa dica: Para evitar derrapagens e más surpresas, comece sempre por um corte mais comprido do que o resultado pretendido. Depois, reduza gradualmente até à obtenção do resultado desejado.
 
Saber mais:

Expert
Jean Louis David

LUIS FARIA
Formador em Paris
Formador Jean Louis David em Paris
Descubra